Logo ABORL-CCF

Otite

Toda infecção de ouvido é chamada de otite. Pode se localizar no conduto auditivo externo (onde se localiza a cera) ou na orelha média (atrás do tímpano), classificados como Otite Externa e Otite Média respectivamente

Otite média

OTITE-MEDIA

Definição

Otite média é a infecção na orelha média, pequeno espaço cheio de ar atrás do tímpano. É um tipo de otite comum em crianças, mas pode acometer pessoas de qualquer idade.

Como ocorre

A orelha média é ventilada pela tuba auditiva, canal que liga a orelha média a rinofaringe (fundo do nariz). Quando há algum fator que obstrui a tuba auditiva ocorre o acumulo de secreção na orelha média a qual não consegue ser drenada, tornando-a um ambiente propício à proliferação de vírus e bactérias.

Causas e Fatores de Risco

A otite média costuma ocorrer após gripe, resfriado, rinite alérgica, sinusite, aumento de adenoide (carne esponjosa).

Os fatores de risco são:

  • Crianças de até três anos de idade;
  • Mamar deitado;
  • Fumaça de cigarro;
  • Alergias respiratórias;
  • Uso de chupeta;.
  • Doenças congênitas, como fenda palatina ou síndrome de Down
  • Entrada precoce à escola e creche;
  • Sistema imunológico enfraquecido.

Sintomas

Os principais sintomas são:

  • Dor de ouvido;
  • Diminuição da audição;
  • Zumbido;
  • Irritabilidade;
  • Febre;
  • Autofonia (percepção aumentada dos ruídos internos, batimento cardíaco, respiração e sensação de aumento da própria voz)

Complicações

A maioria das infecções tem uma boa evolução, mas em alguns casos pode evoluir e complicar causando:

  • Perfuração do tímpano;
  • Perda auditiva transitória/definitiva;
  • Paralisia facial periférica;
  • Mastoidite aguda;
  • Meningite;
  • Abscesso cerebral.

Tratamento

O tratamento é baseado no uso antibiótico, corticoide oral, corticoide nasal e analgésicos

Recomendações

  • Evite dar de mamar com o bebê na posição horizontal.
  • Fique de olho, os bebês muitas vezes puxam seus ouvidos quando sentem dor;
  • Em caso de saída de secreção e sangue, fique atento! Provavelmente o tímpano está perfurado, portanto proteja o ouvido da água com algodão embebido em óleo sem deixar a água entrar em contato com a orelha e procure um médico.

Otite externa

Definição e Causa

Otite externa é a infecção por vírus ou, mais comumente, bactérias e fungos que acometem o conduto auditivo, desde o orifício da orelha até o tímpano, este espaço é revestido por pele. Na maior parte das vezes, os micro-organismos (vírus, bactérias ou fungos) penetram através de lesões na pele do conduto auditivo, provocadas por objetos (cotonetes, grampos, por exemplo), por atritos ao coçar ou secar o ouvido e pelo contato com água contaminada (mar, piscina, banhos). O contato frequente com a água pode facilitar a remoção da cera que serve de proteção para o canal auditivo. Por isso, a otite externa também é conhecida como otite dos nadadores.

Sintomas

  • Coceira;
  • Dor;
  • Latejamento;
  • Diminuição da audição;

Tratamento

O tratamento da otite externa consiste no uso de antibiótico ou antifúngico tópico e analgésicos para o alívio da dor. Durante o tratamento é essencial a proteção auricular (não deixar água entrar nos ouvidos).

Recomendações

  • Não introduza objetos que possam ferir a pele para limpar ou coçar o ouvido;
  • Evite o uso de cotonetes. Eles podem retirar a cera que protege o ouvido ou empurrá-la para dentro do canal auditivo;
  • Utilize protetores macios para evitar a entrada de água, quando nadar;
  • Procure um otorrinolaringologista sempre que apresentar dor, coceira nos ouvidos ou perda de audição.